segunda-feira, 20 de outubro de 2008

O sexo!...


O Sexo... 

O sexo começa no olhar, no cheiro no riso...

O sexo não tem razão nem tem sentido...

O sexo é o poder, o desejo, a agonia...

O sexo incendeia e irradia nossas energias...

O sexo é luz sem pudor...

A sinceridade aberta 

na dominação de nossos desejos mais íntimos...

É a carne, o calor... 

O cheiro e o sabor....

É o néctar ferino do desejo

A sagacidade da conquista....

O sexo é um jogo...

Um jogo muito gostoso...

De olhar

De falar

De dizer e insinuar....

De fazer das idéias sentimentos;

e desses sentimentos, 

sensações e energias que inebriam

e levam-nos ao êxtase do ser...

O desejo de se unir....

A necessidade humana e física de estar ligado ao seu par. 

Ligado em vida, em carne, em sentimentos, em energia....

Em desejo e vontade.....

Sexo sem amor... não é sexo... 

É incomplexo...

Sexo é entrega... É união... 

É tesão em forma de compreensão.... 

Vontade em forma de carinho.... 

Desejo em forma de cumplicidade.....

Amor... sexo.... 

Prefiro ambos....

Um sem o outro é incompleto....

Posso amar sem sexo.... 

Mas "sexuar" sem amor .... nunca!


8 comentários:

Renato disse...

Sabor
de fruta madura
teu sumo

calor
de suma ventura
que assoma

a soma
de nossos corpos
dá mais que dois

depois
de depostos desejos
teus beijos

despertam
cálidos
calados reis
adormecidos e agora já reempossados

Te desejo

Renato

Rita disse...

Quero comer-te...
Como quem come um torrão de açucar,

Pouco a pouco...
Derreter-te lentamente em minha boca,

Até sentir,



Teu doce suco transparente...

E depois continuares em meu

trazeiro penetrares-me bem fundo

como deves adorar

Rita

Princesa disse...

Renato és mesmo um macaco de imitação já me chega o tonto do Jorge agora chega outro poeta barato, vai-te catar, aqui não tens sorte nenhuma
my angel

Anjomenina disse...

Bem Rita... não passas de uma puta mesmo... ganha vergonha na cara ou melhor nas trombas e desaparece... já és mais conhecida que as putas da Intendente.

Anjomenina disse...

Hó renato... que tal dedicares uma poesia feita a alguem que conheças pessoalmente... és mesmo um parvalhão não paças de um palhaço ou bobo da festa... andas a largar palavras ao vento... desaparece e sertá bem mais digno.

ANJO disse...

Renato a fruta esta aqui,dois tomates e um bom pepino,vaz-te fartar pa.
ANJO

ANJO disse...

Rsrsrsrsrs
A Rita esta com o cio,deve ser lua cheia agora rsrsrsrsrs.
ANJO

ANJO disse...

Boa ANJOMENINA.
No intendente ai encontram,que leve a carteira cheia.
ANJO