quarta-feira, 22 de outubro de 2008

Tu e eu!...


Olho nos teus olhos,
vejo o teu sorriso... 
sinto a tua boca 
à procura da minha... 
prendes-me
num abraço doce,
o meu peito arde no teu... 
as tuas mãos
e as minhas
desbravam caminhos... 
os nossos corpos dançam 
um ritmo nunca ensaiado...
perdemo-nos...
encontramo-nos...
amamo-nos...

5 comentários:

Paulo disse...

A entrega de um ser ao outro, a fusão de corpos, o compartilhar de sentidos é uma das mais belas experiências que se pode viver...
Sempre belas suas poesias,
Paulo!
beijos e borboleteios!

Paulo disse...

que Deus opera no coração.
Desejo à voce, a metade
da felicidade do mundo!
Pois a outra metade já
é minha, por ter
você aqui no meu mundinho!
Obrigada,e tenha continuação de uma linda semana...
Beijos
Paulo

Princesa disse...

Paulo lá vem outro com pezinhos de lã como diz o Anjo mas comigo não pega este genero de conversa se gostas do blog comenta somente o blog eu não preciso de escritos para publicar eu os tenho e sei procurar obrigado

ANJO disse...

ESTE AULO DEVE SER O MESMO GAJO,O RUI M OU O ZECA,VOCES MUDAM DE NICK NUM INSTANTE,AINDA PENSAS QUE A PRINCESA E BOBA NAO SABE DISSO.
ESTA DOS BORBOLETEIOS E MESMO APANDELEIRADA.E COMO O APANHA BORBOLETAS.
ANJO

ANJO disse...

O Paulo.
borboleteios estou eu farto,melhor desapareceres com essas pandeleirisses todas,eu ja me apercebi que queres e um estabulho bem grosso.
Anjo