quarta-feira, 29 de outubro de 2008

Meu corpo pede...


 Meu corpo pede teu corpo

São agora carícias atrevidas...sem pudor
São mãos que exploram ensandecidas...
Nossos corpos que se entregam por amor...
Meu corpo pede teu corpo
E...então estamos na mesma louca sintonia
Pulsando... vibrando... gritando de prazer...
Em movimentos cósmicos... na mais completa alegria...


2 comentários:

Anónimo disse...

texto mt sensual...escrever sobre sexo n deve ser nada fácil [digo deve pk nunca tentei].
parabéns por n tornares este acto tão vulgar e ao mesmo tempo tão banal..:)

Lidia

Princesa disse...

sim lidia é um pouco complicado mas quando se escreve sobre alguém e sobre o tema que se gosta se torma mais facil e bastante agradável eu eu adoro o meu Anjo e gosto de sexo com ele claro por isso é mais facil