terça-feira, 11 de novembro de 2008

CENAS DE AMOR...


Tenho fome do teu corpo,

tenho sede do teu beijo,

suavidade no toque,

na pelefebril desejo...

Volúpias anunciadas,

ereções incontroláveis,

no roçar de nossos corpos gozos

intermináveis...

Nossas mãos a se buscarem,

tua boca em minha boca,

na excitação da entrega

deságua a vontade louca...

Na nudez premeditada,

erotismo a se instalar,

e um cheiro inebriante vem

impregnar o ar...

Gemidos ensandecidos aumentam a satisfação,

feito loucos alucinados a extravasar

emoção...

Na cama preparada,

o saciar de desejos,

salivas que se misturam no degustar

de ardentes beijos...

Respiração ofegante,

coração descompassado,

dois amantes se entregam

num furor descontrolado...

3 comentários:

Renato disse...

Não quero viver apenas um sonho.

Pois um sonho, por mais real que possa parecer,

será sempre uma ilusão...

Sinto necessidade de tomar novos rumos...

contigo minha princesa

ROMEU disse...

Sonha Renato,vai sonhando,olha que sonhar nem paga imposto,ate me fazes riri,nao vez que a princesa e minha seu vacao.
Romeu.

Princesa disse...

Renato és mesmo ridiculo o Romeu meu gatinho fofo já te disse que só ele tem direito a sonhar aqui tu és uma carta fora do baralho que eu jogo