quinta-feira, 20 de novembro de 2008

**#** ACORDO **#**


Acordo cheia de desejo,

E tu não está ao meu lado.

Meu corpo arde de vontade de ti!

Sinto o calor e a umidade,

Que sai do meu interior.

Cadê tu para me preencher?

Meus seios eriçados clamam tua boca,

Meu clitóris inchado pede tua língua.

É tanto tesão!

Tanta vontade!

Abraço o travesseiro mas não tem o teu calor,

As tuas mãos,

Quero tuas mãos me acariciando!

Sinto arrepios,

imagino teu corpo no meu,

Tua boca no meu seio,

Teu sexo no meu.

Ah! É tanto desejo!

Um formigamento me percorre

Sinto os espasmos de prazer,

Toda vez que penso em ti meu REI!

5 comentários:

Marilda disse...

Vai acordando cheia de desejo ainda pensei que ele iria aí mas vejo que não, ele não vai querer-te ele é gay amiga eu me informei vai para o médico ou outro qualquer e esquece ele

Jorge disse...

Aprendi
que não posso exigir
o amor de ninguém.


Posso apenas
dar boas razões
para que gostem de mim


E ter paciência
para que a vida
faça o resto.
-
vou ser paciente contigo
Princesa

Princesa disse...

O Marilda tu tens é dor de corno querias alguém ao nivel do meu amor mas espera sentada num banco de madeira para fazer calos no cú
que é o que tu precisas

Princesa disse...

Jorge pareces alentejanos e me fazes parecer a mim que canseira

Romeu disse...

MARILDA puta do puteiro.
Quem es tu para dar conselhos,qual medico qual carapuca,esse jorge tem e uma cavalarica para ferrar as patas dos cavalos,e e um velhote que ja nao endireita o pau,eu sou um jovem de 23 anos ando sempre de pau feito sua putinha.

O Jorge merdas,vai cagar mais essa poesia,igual ja joguei no lixo.
ROMEU.