domingo, 7 de dezembro de 2008

~~%~~ NOITE FRIA~~%~~


O frio desce sobre mim

Meu corpo esconde-se no teu calor

Encaixas-te nas minhas costas

E pedes-me para fazer amor
Tuas mãos deslizam na minha pele

Como fios de cetim

Tocas-me no meu doce refúgio

E arrepias tudo que há em mim!!
O teu desejo desfigura-se

Exploro tua boca

No teu cheiro perco-me

Enquanto entras na minha toca
Ferro-te!!
Bato-te!!
Como-te!!
Amamo-nos deliciosamente...

És só meu ...
Espero por ti esta noite

Estarei entre os lençois de jasmim

Anseio pelo teu calor, pelo teu amor

E juntos seremos lareira

Onde tu dás o pau

E eu o lume, o furor...

3 comentários:

Jorge Costa disse...

Como eu te queria aquecer numa noite fria como estas que nós temos tido minha princesa, queria te ter a meu lado bem apertadinha junto a mim para te dar muito amor te fazer feliz, porque nesse momento eu seria já o homem mais feliz que alguma vez existiu, me deiza sonhar, sim porque vejo que não passa de um sonho bom, mas a esperança ainda pervalece em mim

Anjo disse...

Jorge Dr. de cavalgaduras vais aquecer mas é esses paneleiros que andam por aí quem aquece a princesa sou eu ela só me quer a mim tu e todos os outros vão embora daqui nós queremos estar sozinhos seus cavalos

Romeu disse...

Deicha-me rir Jorge Panasca.
A princesa vai-me querer a mim,agora ja vejo que ela nao comentou nada ao anjo,estou mais feliz assim vejo que vou ter uma chance, e tu Jorge vai dar uma curva,vai sonhando vai,ja e bom.
ROMEU.