quinta-feira, 27 de agosto de 2009

~~º~~ O amor que procuro, ~~º~~


O amor que procuro,
É um amor calmo e sem chamas muito ardentes,
Mas que queima no coração ao pensar nesse amor...
O amor que procuro,
Tem um pouco de maravilha e ao mesmo tempo tão calmo.
Tem uma parte de mistério e surpresa,
mas é sempre previsível...
O amor que procuro,
Faz sempre questão de estar junto,
Mas não aprisiona se quer estar livre...
O amor que procuro há muito tempo,
Está distante, talvez próximo a chegar.
Está me procurando também,
e tem toda calma para esperar...
O amor que procuro,
Me chegará brevemente,
Mansamente,
Lentamente,
E saberá compreender toda distancia,
Toda saudade,
Toda espera que tivemos...
O amor que procuro,
É especial,
Pode ser você,
Pode ser que eu seja o seu amor também...
O amor que procuro,
Será o melhor acontecimento,
Que vai revelar as emoções,
Despertar as alegrias reprimidas,
Fará brilhar os olhos
E deixar a boca dizer todas as palavras contidas...
O amor que procuro,
Mora já em meu coração,
Não conhece o rosto,
Mas já sente muita saudades !


4 comentários:

Alvaro Oliveira disse...

Olá Princesinha

Que esse amor chegue muito breve,
com toda a força na alma e com
uma bagagem de beijos, de amor,
carinho e saudade. Que lhe traga toda a felicidade que merece.
Sentir-me-ei feliz, por saber da
sua felicidade. Espero com gtande
ansiedade esse momento.

Beijinhos

Alvaro

Tatiana disse...

Eu também gostaria muito de ter um amor assim!

Lindo tudo aqui!

Beijinhos

Pensador disse...

Não procuro um amor
Pois já te encontrei
Quero, sim, viver contigo
Este amor suave e amigo
Calmo e cheio de carinho
Mas que também sabe
Quando ser quente e envolvente
Embriagando como vinho
Quero contigo ficar
Como crianças tolas
A inventar fantasias
Rir de nossas brincadeiras
E cada dia sonhar
Com a nova brincadeira
Nova forma de amar
Que, para amanhã sem falta,
Juntos vamos inventar.

Te amo!

Beijos carinhosos!

1manview disse...

Este é, um lindo, repetição poema...